Física - vol 3 - 1º ano


Caderno do Aluno
ensino médio 1º série
Física

Página 3


1. Civilizações extraterrenas.


2. Que falava sobre vidas fora do planeta terra (vidas humanas, animais, diversas...)


3. Isaac Asimov; que já escrevera outros livros sobre o mesmo gênero e semelhantes assuntos.


Página 4.


4. A relação é em o estudo da vida humana existente em outros planetas.


5. Não teve.


Pág.08 


Exercício 04.


terra → planeta



....faz parte do sistema solar


.... ↓ .....................onde vivem




....estrelas


Pág. 9


ex.1-os planetas orbitam o sol(assimcomo outros corpos)tais como(cometas,asteroides).Os satelites,por sua vez,são corpos que orbitam planetas.


ex.2-não,há tambem os cometas,asteroides.


ex.3-as estrelas.OO sol é uma estrela,pois é um astro que produz luz e calor por meio de reações de fusão nuclear que ocorrem em se u interior.


ex.4-uma galaxia é um imenso agrupamento de estrelas que orbitam em torno de um centro comum .Geralmente é combusta de milhões de estrelas individuais


Pág. 10


1) É o Monte Everest, no Himalaia. 8,844km de altitude relativa.


2) O Oceano Pacífico é considerado o mais profundo, com uma profundidade média de 4.267m.


3) Diâmetro Polar: 12,713,5032km
Diâmetro Equatorial: 12,756,2726km


Pág. 11


4) Diferença de 42,77km


5) Cerca de 384404km


6) A Lua tem 3470km de diâmetro.


PAGINA 12


desenho e o esquema do bate -estaca quem quiser esta ai embaixo :
http://www.uepg.br/denge/aulas/fundacao/bate_estaca.jpg


PAGINA 13


3-
a) O motor realiza trabalho levantando a massa de 490kg ate a altura de 5 m , transformando energia química do combustível em energia cinética no movimento do bloco e em energia potencial gravitacional do bloco de ferro que na altura é de 24.500j. Ao ser levantado dessa altura , a massa transforma sua energia potencial em energia cinética e , ao atingir a estaca , transforma parte de sua energia e movimento da estaca que penetra no solo e parete em energia térmica da estaca e em som , ao final a estaca pára numa nova posição.
b)Quem fornece a energia é o combustível , que através de sua queima libera energia química que é transformada em energia cinética e em energia potencial pelo trabalho realizado pelo motor do bate -estaca.


Pág. 16


1) Sim. Porque a Terra tem muitas degradações no solo, não tem a superfície lisa.


2) Com certeza, se calcular, o comprimento da circunferência da terra na região do Equador é pouco mais de 40.000km, a distância Terra/Lua é de 300.000km


3) Não, o fundo dos Oceanos é uma pequena parte da Crosta Terrestre, o diâmetro Terrestre é cerca de 12.756,00km, enquanto as maiores fossas abissais hoje conhecidas não passam de 12km.


Pag 17 


exer. 1


Planeta Diâmetro Médio Distância Média Período orbital
Mercúrio 4.879 Km 57.910.000 87,97 dias
Vênus 12.103 Km 108.200.000 224,70 dias
Terra 12.756 Km 149.600.000 365,25 dias
Marte 9.794 Km 227.940.000 686,98 dias
Júpiter 142.984 Km 778.330.000 4.332,71 dias
Saturno 120.536 Km 1.429.400.000 10.759,50 dias
Urano 51.118 Km 2.870.990.000 30.585,00 dias
Netuno 49.528 Km 4.504.300.000 60.190,00 dias


exerc. 2


É um corpo celeste muito semelhante a um planeta, órbita em torno do sol e possui gravidade.


Nome Distância do Sol Região do Sistema Solar
Ceres 2.766 Cintura de asteróides
Plutão 39.482 Cintura de Kuiper
Haumea 43.335 Cintura de Kuiper
Makemake 45.791 Cintura de Kuiper
Éris 67.668 Disco Disperso


3) 1.391.000 Km


Pág. 19


1) Júpiter é o maior e Mercúrio o menor.


2) É o tempo que leva um planeta a fazer uma órbita completa. O período orbital da Terra é de 365,256 dias para girar em volta do Sol e 23,9345 horas para a Terra efetuar uma rotação completa.


3) Sim, quanto mais distante maior a órbita. A órbita de cada planeta é uma elipse com o sol em um dos focos. Como conseqüência da órbita ser elíptica, a distância do sol ao planeta varia ao longo de sua órbita.


4) Planetas com órbitas maiores se movem mais lentamente em torno do sol, portanto, a força entre o sol e o planeta decresce com a distancia ao sol. Sendo "P" o período orbital do planeta, "A" o semi-eixo maior da órbita, que é igual a distância média do planeta ao sol e "K" uma constante = P²/A³ = K


Planeta/A(U.A)/P(ano)/A³/P²
Mercúrio/0,387/0,241/0,058/0,058
Terra/1,000/1,000/1,000/1,000


5) Jovianos - apresentam grande massa, pequena densidade, grande distância do sol, muitos satélites e são compostos de elementos leves (Hidrogênio/Hélio) - Júpiter, Saturno, Urano, Netuno.
Telúricos - são similares a Terra, com corpos largos compostos de rocha. (Mercúrio, Vênus/Terra e Marte).


6) Menor - Mercúrio / Menor- Júpiter


Pág.: 20


massa da Terra = 5,9742 24
10 quilogramas 10 por 24


Pág. 21


10) Mais denso: Terra.
Menos denso: Saturno.


11) Os planetas telúricos são mais densos. Porque os planetas jovianos são compostos basicamente de gás hidrogênio e hélio.


Pág. 22 


Questão 4 (tabela)


ASTRO............... DIAMETRO...............DISTANCIA
sol ......................8352......................... 0
mercúrio .............29268 ...................342000
vênus ...............72,6.......................... 648000
terra ................76,536.......................... 894000
marte ................40,716 .......................1362000
júpiter ................857,904 ...................4668000
saturno ..............723,216 .....................8538000
Urano ................306,648 ................17202000
Netuno .................297,228.............. 26928000


Pág. 32


2) Conforme a terra avança em sua órbita elíptica de 1 ano em torno do sol, ocorre um deslocamento do nosso campo de visão do céu de cerca de 1 grau por dia, assim percebemos um deslocamento diário das constelações de oeste para leste em um ciclo de 1 ano.
via: 100 Repetentes